PF inicia Operação “Passe Fácil” em 13 estados para investigar fraudes no Enem.

A Polícia Federal iniciou neste domingo (12) a operação “Passe Fácil”, cumprindo 31 mandados de busca e apreensão e 31 de condução coercitiva em 13 estados por suspeitas de fraudes no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os mandados foram cumpridos nos estados de Espírito Santo, Maranhão, Pará, Rio Grande do Sul, Ceará, Minas Gerais, Pernambuco, Mato Grosso, Paraná, Bahia, Goiás, Piauí e São Paulo.

À esquerda o Delegado de Polícia Federal Franco Perazzoni, responsável pelas investigações.

“Vamos analisar os dados obtidos hoje e a investigação terá continuidade com desdobramentos nos próximos dias”, explicou o delegado da Polícia Federal Franco Perazzoni, que disse ainda que beneficiários e integrantes da quadrilha já foram devidamente identificados.

O esquema envolvia candidatos do ENEM que se beneficiavam das resposta obtidas através da resolução da prova por especialistas em determinadas áreas de conhecimento, os  “pilotos”, que repassavam os gabaritos aos candidatos interessados em fraudar o processo.

A operação deste Domingo cumpriu mandados contra pessoas suspeitas de terem fraudado exames anteriores e que estavam inscritas na prova de hoje mas ninguém foi preso porque não foram encontradas escutas ou outros dispositivos eletrônicos de fraude, mas as investigações continuam.

Na última quarta-feira (8), durante a operação Adinamia, da Polícia Federal quatro pessoas foram presas por suspeitas de fraudes em concursos públicos e no Enem.

 

 

 

SEM COMENTÁRIO